Médico estudou Libras para se comunicar com pacientes surdos Antes mesmo de entrar para a faculdade de medicina, na Universidade do Vale do São Francisco (UNIVASF), em Petrolina, Pernambuco, Igor Jambeiro tinha contato com o universo da Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Ele está no 12º período da faculdade, praticamente formado. Igor é médico interno, uma modalidade de estágio, no Hospital Regional de Juazeiro (HRJ), na Bahia. Foi em um espetáculo de Natal o primeiro contato de Igor com a Libras. Realizado pela Primeira Igreja Batista de Petrolina, o espetáculo tinha um coral em Libras. “Eu participei […]