Renovação hoteleira com acessibilidade! Portugal pensa em hóspedes com deficiência!

O Hotel Rural Quinta do Marco está totalmente adaptado para facilitar a deslocação de hóspedes com deficiência. O hotel implementou um conjunto de novas acessibilidades em todos os seus espaços. O Hotel Rural da Quinta do Marco localiza-se na Serra Algarvia, com uma vista que se estende por 18 km até às águas do oceano Atlântico.

Este projeto de adaptação foi realizado com o apoio do programa Valorizar, do Turismo de Portugal, na vertente da Linha de Apoio ao Turismo Acessível, num investimento global de cerca de 90 mil euros.

Com a aplicação de pavimento betuminoso permeável, de cor terra escuro, em volta de todo o hotel, foi permitindo o acesso a cadeiras de rodas e carrinhos de bebés a todos os quartos e espaços públicos: recepção, restaurante, bar, piscina, spa e estacionamento.

O Hotel instalou pisos táteis ao longo de todo o espaço, com guias de deslocação e placas de sinalética em braille com indicações para os clientes com deficiência visual. Nos quartos, foram ainda colocadas placas indicativas e direcionais com o respectivo número do alojamento.

Também a acessibilidade digital foi melhorada. O website do Hotel Rural Quinta do Marco foi adaptado, pela empresa Dengun, para ser utilizado por pessoas cegas que utilizam softwares de navegação.

 

FONTE: Turismo Adaptado

HISTORIA DE VIDA

Meu nome é José Braz dos Santos Junior, atualmente tenho 27 anos, nascido em 01 de dezembro de 1991, profissão enfermeiro.

Nasci sem deficiência física alguma, mas na data 14/12/2016 sofri um acidente automobilístico às 5 da manhã voltando de uma formatura de direito, após esse acontecimento deixei de ser um profissional da área da saúde(enfermeiro), para me tornar o paciente com lesão medular a nível do tórax vértebra T9.

Tenho dois anos e alguns meses de lesão, aposentado pelo INSS, atualmente moro na cidade de tucuruí-PA com minha família, mantenho o acompanhamento de saúde no Hospital Sarah Hubitschek em Brasília, realizo reabilitação diárias como fisioterapia e academia, namoro com a senhorita gleicy santos, uma moça maravilhosa e sou muito grato a Deus pela minha vida e a segunda chance que ele me proporcionou após o acidente.

 

Deixe um comentário em HISTORIA DE VIDA Ver mais posts sobre: Historia Tags: , ,

Ricardo
Falar sobre si não é uma tarefa fácil, não é mesmo? Acho que por isso mesmo adiei tanto a atualização dessa página! Mas vamos tentar né? Você já teve a chance de conviver com um capricorniano? Pois é, aquele jeito louco, sonhador, aventureiro, e nem sempre com os dois pés no chão… Esse sou EU! Ricardo Tostes Pinto Perdigão, ou pra vocês, apenas Ricardo Tostes.

Carrinhos elétricos facilitam transporte no Centro de São Luís Veículos serão utilizados por pessoas com deficiência física e mobilidade reduzida

A Prefeitura de São Luís recebeu na manhã na terça-feira (23 de Abril), da Vara de Interesses Difusos e Coletivos do Tribunal de Justiça, carrinhos elétricos que facilitarão o trânsito de pessoas com deficiência física e mobilidade reduzida no Centro Histórico. A doação dos veículos é resultado de iniciativa da Vara de Interesses Difusos e do Ministério Público da Raposa. O prefeito Edivaldo Holanda Junior acompanhou a entrega dos equipamentos, que se somam às iniciativas da gestão para promover tanto a acessibilidade na cidade quanto o turismo no Centro Histórico.

“A entrega dos carrinhos é uma ação muito importante da Vara de Interesses Difusos e Coletivos que amplia as ações de acessibilidade que já vêm sendo colocadas em prática pela Prefeitura. Agradeço a iniciativa dos órgãos da Justiça, que contribui também para ampliar o acesso ao turismo na região do Centro Histórico”, destacou o prefeito Edivaldo que estava acompanhado de secretários municipais que também prestigiaram a entrega.

O juiz da Vara de Interesses Difusos e Coletivos do Tribunal de Justiça, Douglas Martins, disse que a ação mostra de forma concreta o papel da Justiça na sociedade, garantindo direitos aos cidadãos. “Nossa expectativa é de que, com importantes parcerias como essa do poder público municipal, o projeto seja aperfeiçoado com o tempo e garanta a mais pessoas esse acesso”, acrescentou o juiz.

A doação dos três veículos que vão circular pelo Centro Histórico é fruto de uma conciliação que resultou de um processo judicial do Ministério Público contra empresa privada. “Aqui, o Ministério Público mais uma vez exerce o seu papel constitucional, resolvendo o conflito da melhor forma possível que é através da conciliação e em prol dos direitos dos cidadãos”, explicou o promotor da Comarca de Raposa, Reinaldo Campos. Neste primeiro momento entram em funcionamento dois dos três veículos.

Os carrinhos elétricos possuem espaço para cadeirante e acompanhantes e serão conduzidos por profissionais da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT). O projeto piloto é inicialmente exclusivo às pessoas com deficiência. A Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas) está realizando o treinamento dos condutores e demais profissionais que atenderão diretamente as pessoas com deficiência. A capacitação, que também será realizada pela Escola Superior da Magistratura (Esmam), tem o objetivo de garantir a acessibilidade atitudinal, que consiste em eliminar atitudes baseadas em preconceitos e estigmas que são barreiras no processo de inclusão. O desembargador Froz Sobrinho, diretor da Esmam, também participou do evento.

Os veículos partem das vagas especiais do estacionamento da Praia Grande e percorrem ruas como a Travessa Boa Ventura, a Rua da Estrela, Rua Dialma Dutra e a Rua da Feira da Praia Grande. Com a rota definida pela SMTT, a passagem por pontos estratégicos garante acesso a estabelecimentos e órgãos como Banco do Brasil, Câmara Municipal de São Luís, Defensoria Pública do Estado do Maranhão, Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Setur), Caixa Econômica Federal e Centro de Criatividade Odylo Costa Filho.

Teste de acessibilidade

Na última quinta-feira (18), o prefeito Edivaldo acompanhou, ao lado do juiz Douglas Martins e do promotor Reinaldo Campos, os testes realizados com um dos veículos. O advogado Diego Felipe Chaves, que é cadeirante, avaliou o veículo que percorreu as ruas do Centro Histórico. “É preciso garantir que as pessoas tenham autonomia para utilizar o equipamento com independência. Esse é um projeto pioneiro e muito importante, pois garante a efetivação do nosso direito de ir e vir. É um trabalho que pode ser replicado em outras cidades do país, como Ouro Preto e Olinda”, avaliou positivamente o advogado, que testou a eficácia do veículo quanto à proposta da acessibilidade.

FONTE: O IMPARCIAL

SUS PASSA A OFERECER MEDICAMENTO PARA ATROFIA MUSCULAR ESPINHAL

As pessoas que vivem com a rara doença de Atrofia Muscular Espinhal (AME) terão a oferta do medicamento Nusinersen, disponível gratuitamente no sistema Único de Saúde (SUS). Conhecido no mercado como Spinraza, esse medicamento é o único no mundo recomendado para o tratamento da doença.

A atrofia Muscular Espinhal prejudica a capacidade do corpo de produzir uma proteína dos neurônicos motores. Assim, eles morrem e os pacientes perdem o controle e a força muscular, ficando incapazes de se movimentar, o que pode, inclusive, levar à morte.

A doença é degenerativa e não possui cura, mas o medicamento ajuda a evitar que ela evolua. Isso é um motivo para comemorar, como afirma Alex de Amorim que é pai de dois meninos com Atrofia Muscular Espinhal.

É a vida, ne? É a vida dos meus filhos e essa medicação está dando isso pra gente! Antes da medicação, a gente só tinha a esperar, a esperar a morte. E hoje eu estou ganhando vida com essa medicação. Então, para nós é tudo. Ter eles conosco e com qualidade de vida”.

O anúncio dessa incorporação à rede publica foi feito pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, durante audiência no Senado Federal.

Nos estamos indo em direção ao que há de melhor em gestão publica de inclusão de medicamentos e insumos. Isso só é possível porque a equipe foi extremamente obstinada, e ela foi obstinada por causa daqueles que nos inspiram: os pacientes, as crianças. Aqueles que são brasileiros e que estão, sim, cobertos por uma constituição que, enquanto existir, vai ser cidadã e vai desafiar a nossa geração a garantir como direito de todos e um dever do Estado”.

O medicamento vai estar disponível em até 180 dias. O secretario de Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde, Denizer Vianna de Araújo, afirmou que os pacientes acometidos pelos tipos 1,2 e 3 da doença terão acesso ao tratamento. Quem tem o diagnostico do tipo 1 da doença vai receber o medicamento em centros especializados.

Os critérios para acompanhamento da evolução, do tratamento incluem o aumento da expectativa de vida, a redução do uso de aparelhos de ventilação e a melhoria na função motora e na qualidade de vida.

Desde 2017, decisões judiciais têm forçado o ministério a custear o medicamento, que chega a custar mais de R$ 200 mil o frasco. De acordo com a pasta, 106 pacientes foram atendidos por determinação da Justiça. Em 2018 foram gastos R$ 115,9 milhões com a compra de Spinraza.

 

FONTE: O blumenauense 

HBO lança app de Game of Thrones com acessibilidade aos deficientes visuais

“Game of Thrones” é um verdadeiro fenômeno na cultura pop e vai ficar difícil estar alheio ao grande evento que será sua última temporada, que está chegando. E para não deixar ninguém de fora dessa festa, a HBO lançou no Brasil nesta semana o app HBO Inclusion, que oferece audiodescrição em português para deficientes visuais e legendas adaptadas com visualização ajustada e zoom para deficientes auditivos.

A ferramenta está disponível para as sete primeiras temporadas de “Game of Thrones” e os episódios do oitavo e último ano poderão ser vistos com o auxílio do HBO Inclusion sempre alguns dias após suas estreias. O serviço é completamente gratuito para o assinante do pacote HBO/MAX e da plataforma de streaming HBO GO — é preciso apenas realizar um registro com usuário e senha.

Fonte: Play Store

Uma das boas funcionalidades para quem quiser curtir em conjunto, é a possibilidade do app ser utilizado com fones individuais e em dispositivos móveis sincronizados com a transmissão. Assim, o HBO Inclusion permite que os usuários assistam ao conteúdo junto de outras pessoas, mas sem interferir na experiência de cada um.

HBO Inclusion deve chegar em breve às outras atrações

O recurso da audiodescrição oferece, por meio de uma narrativa em áudio inserida entre os diálogos, uma explicação dos cenários, personagens, formas, cores e detalhes da ação. Já a legenda adaptada permite ao usuário uma visualização nítida, com ajuste de tamanho e aumento do contraste. Além de Game of Thrones, a HBO expandirá gradativamente o conteúdo disponível para acompanhamento de algumas das suas séries, filmes e especiais com o uso do aplicativo.

 

FONTE(S)

// Life Sobre Rodas© 2016-2019 - Todos os direitos reservados
Design: ninamore / Programação: nyne
error: Conteudo protegido